Além do horizonte, existem outros mundos a serem descobertos.
Lá, folhas não caem, elas flutuam.
Lá, o meio de transporte são pássaros que vem até você e com o suspiro de seu amor, neste mundo todos andam de mãos dadas lá é aonde a harmonia toma conta da natureza de todas as espécies viventes.
Lá, não colhemos flores, mas as flores colhem a gente.
Chegou o tempo de despertar e acreditar que esta vida vale apena ser vivida.
-Rhenan Carvalho-

domingo, 22 de julho de 2007

A ORAÇÃO SILENCIOSA


A ORAÇÃO SILENCIOSA

A oração silenciosa é um reconhecimento de Tudo Que É. Nesta oração, eu sei que cada oração que eu já fiz é ouvida pelo Espírito Universal, e que aquele Espírito me deu tudo que eu pedi. É um reconhecimento de que minha alma é completa no Amor e na Graça de Deus. É um reconhecimento do meu total estado de perfeição e de ser. Tudo que eu desejo, tudo que eu quero co-criar, já está dentro da minha realidade. Esta é a oração silenciosa porque eu sei que meu coração já está pleno. Não há necessidade de pedir nada ao Espírito Universal, porque isso já foi concedido.

Em meu coração, eu aceito meu Ser perfeito.
Eu aceito que a alegria que eu queria já está em minha vida.
Eu aceito que o amor pelo qual eu orei já está em mim.
Eu aceito que a paz pela qual eu pedi já é minha realidade.
Eu aceito que a abundância que eu desejei já preenche minha vida.
Em minha verdade, eu aceito meu Ser perfeito.
Eu me responsabilizo pelas minhas próprias criações,
E por todas as coisas que estão em minha vida.
Eu reconheço o poder do Espírito Universal que está em mim
E sei que todas as coisas são como deveriam ser.
Em minha sabedoria, eu aceito meu Ser perfeito.
Minhas lições foram cuidadosamente escolhidas pelo meu Eu,
E agora eu caminho através delas com experiência plena.
Meu caminho me conduz numa jornada sagrada com propósito divino.
Minhas experiências tornam-se parte de Tudo Que É.
No meu conhecimento, eu aceito meu Ser perfeito.
Neste momento, eu sento numa cadeira dourada
E sei que Eu Sou um anjo de luz.
Eu olho para uma bandeja dourada
- o presente do Grande Espírito -
E sei que todos os meus desejos já foram realizados.
No amor por meu Eu, eu aceito meu Ser perfeito.
Eu não lanço julgamentos ou cargas sobre o meu Eu.
Eu aceito que tudo no meu passado foi dado por amor.
Eu aceito que tudo neste momento vem do amor.
Eu aceito que tudo no meu futuro resultará num amor maior.
Em meu Ser, eu aceito minha perfeição.
E assim é.
Tobias
Canal - Geoffrey Hoppe

Nenhum comentário:

Postagens Recentes