Além do horizonte, existem outros mundos a serem descobertos.
Lá, folhas não caem, elas flutuam.
Lá, o meio de transporte são pássaros que vem até você e com o suspiro de seu amor, neste mundo todos andam de mãos dadas lá é aonde a harmonia toma conta da natureza de todas as espécies viventes.
Lá, não colhemos flores, mas as flores colhem a gente.
Chegou o tempo de despertar e acreditar que esta vida vale apena ser vivida.
-Rhenan Carvalho-

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Viver vale a pena

Ser Luz é Ser feliz

Nem sempre as coisas são como parecem ser.
Turbante na cabeça não significa maestria alguma.
Renegar a vida humana nada tem a ver com a iluminação.
Negar o valor do corpo – veículo sagrado – é desrespeitar a Terra.
Não ver o sagrado em tudo, é ser profano!

Conhecimento não é sabedoria; e servilismo não é humildade.
Mais vale o materialista que realiza algo do que o espiritualista teórico.
Um abraço cálido passa mais luz do que um diploma de mestre bioenergético.
Duas montanhas são imensas, mas não podem se abraçar. Duas pessoas podem.
Escalar o Himalaia não significa iluminar-se. Cabras fazem isso diariamente.
Ir à Índia ou a Machu Picchu não é o mesmo que viajar pelo céu do coração.

Carma não é vingança divina; e reencarnação não significa descer para sofrer.
Quem carrega o inferno em si mesmo, a tudo condena.
Falar de perdão não significa perdoar; há pregadores religiosos cheios de ódio.
Sair do corpo é normal; fenômeno estranho é viver sem horizontes maiores...
Para quem congelou o próprio coração, o mundo inteiro parece o Ártico.

Quem está triste, vê tudo cinzento; no entanto, além das nuvens, o sol brilha...
Que manto dourado ou roupa nova poderá fazer brilhar um coração egoísta?
Não importa quem você foi em outra vida; vale mais o que você faz agora!
Viver é muito mais do que só existir. E fica melhor quando se é feliz.

PS.: Há um ditado popular que diz, quando alguém é encrenqueiro: “tal pessoa é casca de ferida!”

Do ponto de vista da clarividência, isso está certo! Há auras cheias de feridas.
É que as complicações psíquicas das pessoas ficam registradas no campo energético delas mesmas. O efeito de suas encrencas gravita em torno de seu próprio perímetro energético - aura.
E faixas escuras envolvem seus chacras e abrem portas psíquicas para as obsessões invisíveis. Suas feridas explodem no ar à sua volta, revelando, no Astral, o que se passa por dentro do ser. No plano físico ninguém percebe, mas, no extrafísico, tudo fica evidenciado de forma bem clara.

Isso independe de raça, credo ou sexo. Cada um projeta em torno de si mesmo tudo aquilo que já está em seu coração. E, como as energias seguem os pensamentos e sentimentos, é natural que, para quem guarda trevas em si mesmo, tudo fique opaco.
Para se curar disso e fechar as feridas psíquicas, só há um remédio: ser feliz!
E, para quem estuda e vivencia a temática espiritual – e sabe que a realidade não é apenas o que se vê -, isso se torna mais evidente a cada desenvolvimento.
Alguém feliz ajuda à humanidade, naturalmente, pela sua própria irradiação energética sadia.
Viver vale a pena!

Paz e Luz.

Wagner Borges

Nenhum comentário:

Postagens Recentes