Além do horizonte, existem outros mundos a serem descobertos.
Lá, folhas não caem, elas flutuam.
Lá, o meio de transporte são pássaros que vem até você e com o suspiro de seu amor, neste mundo todos andam de mãos dadas lá é aonde a harmonia toma conta da natureza de todas as espécies viventes.
Lá, não colhemos flores, mas as flores colhem a gente.
Chegou o tempo de despertar e acreditar que esta vida vale apena ser vivida.
-Rhenan Carvalho-

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Mudanças...

Recentemente passei por uma experiência muito forte, ligada à liberação de emoções guardadas, de uma época muito antiga... com muitos sinais que me mostravam de forma clara o que estava sendo liberado...
É claro que essas emoções, ao virem à tona, nos trazem sentimentos que não esperávamos... porque falam de coisas que nem sabíamos que estavam guardadas.

Mas... ao entendermos o que está se passando... podemos colaborar, deixando ir com Amor... sabendo que esses sentimentos estão vindo à superfície para serem liberados, para que a gente possa estar cada vez mais inteira e aberta para as novas possibilidades...

Quando aceitamos as mudanças e colaboramos com elas tudo muda muito rapidamente... assim como vem o caos a ordem também se instala.
O Universo não quer que a gente sofra ou fique eternamente nos mesmos problemas... ele só nos coloca neles como uma forma de que consigamos, enfim... libertar os velhos padrões.
Nós é que, por medo, tornamos esses problemas infindáveis... assim como um vício que não conseguimos abandonar, certas situações, por mais desagradáveis que sejam, também insistem em nos acompanhar por muito tempo... são difíceis de serem abandonadas. O medo é a raiz de muitos dos nossos problemas e esse medo às vezes é tão inconsciente, que nem conseguimos perceber como ele nos impede de viver mais plenamente a vida.

Mas agora, ou mudamos... ou mudamos...
Sabe quando a gente não tem mais para onde fugir? Acho que agora é assim que estamos... Parece que chegamos ao fim de uma rua sem saída... onde a única possibilidade é a mudança...

O que nos é pedido nesses tempos é que sejamos receptivos às transformações necessárias, para que a nossa verdadeira natureza possa se manifestar... que deixemos ir tudo que prende e limita, com a certeza que, ao deixarmos os velhos modos, abriremos espaço para novas possibilidades. Novas mesmo...
Tão novas que nada mais nos serve de modelo...
Está na hora de abandonar velhos ensinamentos baseados em controle... esquecer exemplos, e viver o nosso destino Sagrado.

Quando aceitamos as transformações que insistem em bater à nossa porta... mesmo que a gente a principio queira distância delas, recebemos muita ajuda... e elas podem acontecer com muito mais facilidade e leveza do que até então.
O sofrimento é proporcional à nossa resistência às mudanças...

Se não sabemos o que fazer... podemos nos render e entregar o controle ao Criador...
Podemos fazer muitas coisas... usar muitas técnicas... receber toda ajuda... daqui e das estrelas... Só não podemos mais ficarmos presos ao que já passou.

Estamos diante da possibilidade de nascer de novo... agora sem a mácula da culpa... sem o peso do sacrifício... com a pureza de uma criança, que ainda não foi ensinada sobre o mundo pela visão do outro...
Podemos acessar o novo, guiados pelo Espírito...
Na Luz... no Amor... na Pureza do que é essencial.

Rubia A. Dantés

Nenhum comentário:

Postagens Recentes